Últimas

ABRH-PR entrega Prêmio Ser Humano aos vencedores da 6ª edição

Crédito da foto: Felipe de Souza

Crédito da foto: Felipe de Souza

A iniciativa visa premiar empresas e pessoas do Paraná que criam ações voltadas ao desenvolvimento humano

A ABRH-PR (Associação Brasileira de Recursos Humanos – Seccional Paraná), na última terça-feira (29.11), fez a entrega do Prêmio Ser Humano 2016 aos vencedores da 6ª edição da iniciativa que homenageia Luiz Hamilton Breton, figura emblemática no cenário paranaense. A solenidade foi na Universidade Positivo, patrocinadora do evento. Doze projetos premiados obtiveram as melhores pontuações nos requisitos atualidade do tema, grau de inovação, qualidade do conteúdo e aplicabilidade, nas modalidades Gestão de Pessoas e Desenvolvimento Sustentável.

Ao dar as boas-vindas aos presentes, a presidente da ABRH-PR, Susane Zanetti, afirmou que mais uma vez o DNA da Associação se faz presente nos projetos vencedores: “são as pessoas que constroem organizações melhores”, destacou. A organização da diretora voluntária Beatriz Santa Rita, profissional associada à ABRH-PR, destacou os objetivos da iniciativa e agradeceu o trabalho criterioso e de excelência realizado pelos 18 profissionais que integraram a comissão julgadora da 6ª edição do PSH.

Premiados

O prêmio ao primeiro lugar na modalidade Desenvolvimento Sustentável – categoria Terceiro Setor foi conquistado pela UNILEHU – Universidade Livre para a Eficiência Humana. A entidade ganhou com o Projeto Emprego Apoiado – alternativa de inclusão para pessoas com deficiência. O segundo lugar coube ao Programa Inclui, idealizado pela ASID Brasil- Ação Social para Igualdade das Diferenças. A terceira colocação foi de Elo Apoio Social e Ambiental com o Programa Da teoria à prática na formação de jovens aprendizes.

Na categoria Empresas da modalidade Desenvolvimento Sustentável, conquistou o primeiro lugar o projeto NUPRI – Núcleo de Pesquisa Risotolândia. A Positivo Informática ficou em segundo lugar com o projeto Casa da Saúde. O projeto da terceira colocação foi o Programa de Inclusão Digital, desenvolvido pela Sicredi União PR/SP.

O primeiro lugar na modalidade Gestão de Pessoas – categoria Estudantes foi para o projeto Critérios de Demissão, de autoria de Fabricio Stocker e Eduardo Guedes Villar.  A estudante da Universidade Federal do Paraná, Ana Luiza Terbeck, recebeu o prêmio de segundo lugar por estudo sobre mentoria como uma ferramenta de desenvolvimento conjunto. Gilza Tokas da Cruz Migliorini, Juliana Simoneti Rolim, Luciana Barbosa Nicolau, Meury Kotovicz Corsico e Valéria Melnik, da Faculdade Monteiro Lobato, ficaram em terceiro lugar com projeto sobre a influência do consultor interno de gestão de pessoas nos indicadores de um grupo organizacional.

A modalidade Gestão de Pessoas, na categoria Empresa, premiou com a primeira colocação o programa Liderar – desenvolvimento de profissionais do nível tático/estratégico da unidade de papeis Monte Alegre, desenvolvido pela Klabin S/A. O segundo lugar nesta categoria foi para a Aker Solutions, com projeto de transparência de conhecimento para a estruturação de nova fábrica.  A Rede Bourbon de Hotéis e Resorts, com o programa Potenciais Sucessores a Cargos de Gestão, atingiu a terceira colocação.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com