Competição estimula estudantes a aprender Língua Portuguesa brincando

Especialistas em educação são unânimes em afirmar que, quando se trata do aprendizado de crianças, a brincadeira é uma ferramenta bastante eficiente. “Aprender brincando pode ser o caminho mais rápido para fixar um conteúdo e ampliar o conhecimento”, garante o gerente editorial do sistema de ensino Aprende Brasil, Júlio Rocker Neto. E é de forma lúdica que a Secretaria Municipal de Educação de Tarumã (SP), pretende reforçar regras ortográficas da Língua Portuguesa. 430 estudantes de 4º e 5º ano do Ensino Fundamental da rede municipal participam do “Soletrando”, um campeonato interescolar de soletração. O concurso, iniciado em agosto, mobilizou as crianças que, animadas com a competição, estão conseguindo ampliar a percepção sobre a fala e a escrita.

A secretária municipal de Educação, Sandra de Almeida Moura, explica que o objetivo do campeonato é sensibilizar os estudantes para a importância de dominar as regras ortográficas, ampliando os conhecimentos sobre grafia e acentuação das palavras. “Nossa Língua Portuguesa é cheia de regras que, às vezes, confundem pela semelhança de letras, quantidade de acentos e outras peculiaridades. A atividade de soletrar estimula o uso correto das palavras”, reforça Sandra. O concurso está sendo realizado em etapas, com a final prevista para o dia 28 de novembro. Os vencedores serão premiados com um tablet, jogos educativos e livros.

 

Sobre o Aprende Brasil

É um sistema de ensino completo, dinâmico e moderno. Oferece um conjunto de soluções para a rede de ensino pública – que contempla material didático, o Portal Aprende Brasil, assessoria pedagógica aos professores e uma coordenação pedagógica regional – que auxilia os gestores educacionais no processo de implementação do sistema na região, oferece atendimento às demandas educacionais específicas da localidade, orienta e participa de reuniões com coordenadores e diretores das escolas, além da comunidade escolar. O material vem com capa personalizada para cada município e os livros são integrados, apresentando conteúdos e atividades de todas as áreas do conhecimento. O Portal possui home page personalizada para cada cidade e está disponível para alunos e professores, com links específicos que se integram ao livro didático. Já a assessoria pedagógica atende aos docentes por meio de cursos presenciais e à distância, utilizando de estratégias como webconferências, webatendimentos e e-mails. O sistema possui dois métodos de avaliação: o Hábile (Sistema de Avaliação Positivo) e o SIMEB (Sistema de Monitoramento Educacional do Brasil). Está presente em mais de 2 mil escolas públicas, fazendo a diferença na vida de mais de 330 mil alunos de cerca de 220 municípios brasileiros.

Sobre a Editora Positivo

Fundada há 37 anos, a Editora Positivo tem a missão de construir um mundo melhor por meio da educação. Tendo as boas práticas de ensino como seu DNA, a Editora especializou-se ao longo dos anos e tornou-se referência no segmento educacional, desenvolvendo livros didáticos, literatura infantil e juvenil, sistemas de ensino e dicionários. A Editora Positivo está presente em milhares de escolas públicas e particulares com os seus sistemas de ensino. Amplamente recomendados pela área pedagógica e reconhecidos pelos seus resultados, os sistemas foram criados de modo a atender a realidade de cada unidade escolar. Para a rede pública a editora disponibiliza o Sistema de Ensino Aprende Brasil. Já as escolas particulares contam com o Sistema Positivo de Ensino. Mais de 800 mil alunos utilizam os sistemas de ensino da Editora Positivo, em escolas públicas e particulares, no Brasil e no Japão.