Número de novas empresas aumentou 6,6% no 1º trimestre de 2017, segundo Boa Vista SCPC

No 1º trimestre de 2017 o número de novas empresas cresceu 6,6% em relação ao mesmo período de 2016 (análise interanual), segundo levantamento da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com abrangência nacional. Em relação ao 4º trimestre de 2016 houve aumento de 29,2%.
Forma jurídica
Na  análise por classificação de forma jurídica, as MEIs (Microempreendedor Individual) continuam com papel de destaque, como mostra o gráfico 1. Na análise interanual do 1º trimestre de 2017, as MEIs aumentaram 12,3% em relação ao ano passado. Na mesma base de comparação, as MEs (Microempresas) subiram 2,9% enquanto as demais formas jurídicas recuaram 31,3%, respectivamente. Já em termos de representatividade, as MEIs aumentaram para 74% das novas empresas, enquanto as MEs aumentaram 1,1 p.p. (totalizando 17,6% enquanto as demais categorias perderam representatividade em igual magnitude (alcançando 8,5%).

  Fonte: Boa Vista SCPC

      Fonte: Boa Vista SCPC

Setores
Quando analisada a composição das novas empresas por setores, o levantamento da Boa Vista SCPC observou que o setor de Serviços perdeu um pouco da representatividade, passando de 56,6% no acumulado do 1º trimestre de 2016 para atuais 55,2%. O Comércio, por sua vez, voltou a ganhar espaço, ao passar de 32,4% para 34,6% do total.

       Fonte: Boa Vista SCPC

Regiões  

Centro-Oeste e Norte foram as regiões que mais obtiveram crescimento no número de novas empresas. No 1º trimestre de 2017 em comparação com de 2016, registraram alta de 12,0% e 9,9% respectivamente, conforme gráfico 4. As demais regiões apresentaram menores elevações no período: Sul (9,5%), Nordeste (3,8%) e Sudeste (5,4%).

          Fonte: Boa Vista SCPC

Ainda assim, em termos de representatividade, a região Sudeste e Sul foram as únicas a aumentar suas fatias frente ao número total brasileiro, como apresentado no gráfico 5.

     Fonte: Boa Vista SCPC

Metodologia
O levantamento trimestral é realizado pela Boa Vista SCPC a partir das novas empresas registradas na Receita Federal, considerando todo o território nacional.

Deixe uma resposta