Instituto de Oncologia do Paraná conquista Nível 2 da Acreditação Hospitalar

Josiane Vivan, do IPASS, órgão certificador, Daniel Rodrigues, Vinicius Preti e Rocio do Rosário, do IOP.

 

O Instituto de Oncologia do Paraná – IOP recebeu em fevereiro o certificado de Nível 2 da Acreditação Hospitalar (Plena) concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). O certificado atesta a qualidade dos serviços prestados, garantindo maior transparência e eficiência no atendimento. O recebimento da Acreditação Plena coloca o IOP na lista das grandes clínicas e hospitais a possuir esse certificado.

“As unidades Mateus Leme e IOP-Oncoville terem recebido o Nível 2 representa uma preocupação em oferecer um serviço cada vez mais qualificado, centrado na atenção e segurança do paciente”, cita o diretor de Qualidade do IOP, o médico Vinicius Basso Preti.

A ONA é uma organização não-governamental que visa promover a implantação de um processo permanente de avaliação e de certificação da qualidade dos serviços de saúde. A empresa que auditou para o processo de certificação foi o Instituto de Planejamento e Pesquisa para Acreditação de Serviços de Saúde – IPASS, especializado em implantar programa de qualidade na área de saúde pelo processo de Acreditação.

Além da atualização de experiências em qualidade e segurança assistencial, a ascensão à certificação oferece maior confiabilidade e transparência nos serviços prestados pelo IOP. “A conquista só foi possível pelo engajamento de toda a equipe envolvida no processo de atendimento do paciente”, destaca Daniel Rodrigues, gerente da Qualidade. Ressaltando que ser ONA Nível 2 corresponde a atender aos requisitos de "segurança" em todos os processos organizacionais (Nível 01), além de disponibilizar um sistema de planejamento e organização focado na gestão integrada. A certificação demonstra que o IOP se importa com o bem-estar, segurança e cuidado do paciente.

Atualmente, a Acreditação Hospitalar é concedida em três níveis. O Nível 1 se preocupa em consolidar os protocolos com foco na segurança do paciente. O Nível 2 assegura a definição e estabilidade dos processos e condutas no atendimento, já o Nível 3 define e implanta os processos que terão indicadores que comprovem a eficiência dos níveis anteriores.

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com