Black Friday na América Latina: o comportamento do consumidor latino-americano e as oportunidades para os e-commerces

O ANYMARKET em parceria com a ClearSale, apresenta um E-book inédito com o panorama do varejo online latino-americano

A Black Friday já é a segunda data mais importante no varejo brasileiro, atrás apenas do Natal. Nesta época os lojistas movimentam grandes volumes de vendas e a tendência é que este fenômeno continue a crescer cada vez mais, já que o e-commerce vem atingindo maturidade e emplaca novas oportunidades para empreendedores em ascensão.

Os excelentes resultados da Black Friday no Brasil já são uma realidade e a América Latina embarca na tendência, adaptando seus costumes às datas de descontos que surgiram originalmente nos Estados Unidos. A rica diversidade cultural da América Latina traz características e datas diferentes de liquidações online a cada país. Mesmo assim, a Black Friday ganha cada vez mais relevância.

Segundo estudo da Black Friday Global, há um crescimento exponencial em compras nos últimos cinco anos na Argentina (376%) e no México (47%), mas quem continua liderando a lista de país latino-americano com mais vendas na Black Friday é o Brasil, já que, segundo o estudo, mais de 90 % brasileiros sabem o que é a Black Friday, comparado com 68% na Argentina, 61% no Chile e 67% no México. Cada país tem suas datas específicas de liquidações, como a Hotsale argentina, o Buen Fin mexicano, as Cyber Monday argentina e chilena, além da Black Friday propriamente dita, chamada de Viernes Negros na Colômbia.

Diferentes culturas e datas promocionais

Argentina

  • Duas grandes datas de liquidação online, a Hotsale, que acontece na segunda metade de maio e a Cyber Monday, na primeira quinzena de novembro;
  • Mas a Black Friday vai ganhando cada vez mais relevância no país com 39,5% dos consumidores planejam antecipadamente o que pretendem comprar na Black Friday;
  • 77% dos argentinos afirmam confiar que os descontos oferecidos são reais.

Chile

  • As datas de desconto recebem o nome de Cyber: o Cyber Day ocorre no final de maio e a Cyber Monday, geralmente no início de outubro.
  • Chegando em sua data tradicional, no final de novembro, a Black Friday têm conquistado o público chileno, sendo que 68% compram por impulso nesta data;
  • 83% dos consumidores chilenos afirmaram crer na veracidade dos preços baixos.

Colômbia

  • No país, são realizados dois eventos Cyberlunes, um em junho e outro em novembro;
  • Apesar de estes serem os eventos oficiais, a Black Friday ou Viernes Negros também vêm ganhando destaque;
  • A próxima Cyberlunes colombiana será dia 25 de novembro, seguida pela Black Friday em 29 de novembro;
  • A partir da terceira semana de outubro os consumidores já começam a buscar ofertas, sendo que 60% dos interessados nestes eventos afirmam preferir comprar pela internet;
  • Na edição de junho de 2019 da Cyberlunes, houve um aumento de 68% nas compras exclusivamente online.

México

  • O varejo online tem crescido cada vez mais no México via smartphones;
  • No meio de novembro, fim de semana anterior ao Dia da Revolução Mexicana, ocorre o tradicional El Buen Fin, a liquidação online mais importante do país, com duração de quatro dias e acontecerá de 15 a 18 de novembro deste ano;
  • A data foi escolhida de maneira estratégica, já que 95% dos mexicanos recebem a segunda parte de seus salários no dia 15;
  • Para se destacar neste país, é importante oferecer diversas opções de pagamento, em débito, crédito e boleto.

Peru

  • São organizadas anualmente três edições dos Cyber Days: uma em abril, outra em julho e a última em novembro.
  • A Black Friday também vem conquistando seu espaço com 53% dos peruanos com intenções de comprar na Black Friday, um aumento considerável em relação ao ano anterior, 33% maior.

Uruguai

  • A mais importante liquidação online é chamada de Ciberlunes, ocorrendo em duas datas distintas: uma no começo de junho e outra no início de novembro.
  • Neste período os consumidores costumam acessar com mais frequência as lojas online do próprio país;
  • Os uruguaios também têm aderido à Black Friday, no final de novembro, com grande foco nos descontos em lojas estrangeiras, grande parte delas nos Estados Unidos.

Guia completo de como conquistar consumidores latino-americano

Neste sentido, para ajudar os sellers em suas estratégias de expandir as vendas para o mercado latino, o ANYMARKET, uma plataforma de vendas em marketplaces, criada e desenvolvida pelo DB1 Group para atender ao universo e-commerce, desenvolveu o E-book “Black Friday na América Latina: O Comportamento do consumidor latino-americano e as oportunidades para seu e-commerce”, em parceria com a ClearSale, autoridade em prevenção de fraudes, que entende profundamente este mercado, com clientes na Argentina, Colômbia, Equador, México Peru e República Dominicana.

O material traz as principais tendências do varejo online de cada país, lista dos principais marketplaces da América Latina, além de dicas de como se proteger de fraudes na Black Friday. O download do E-book pode ser feito em http://bit.ly/black-friday-latino-americana

Expansão regional

O ANYMARKET vem estudando de perto o mercado latino-americano para colocar em prática o seu plano de internacionalização gerando diversas oportunidades para sellers brasileiros expandirem suas vendas em mercados internacionais. Neste primeiro momento, os países prioritários são Argentina, México, Chile, Colômbia e Peru, principais mercados de e-commerce na região, atrás do Brasil

Como parte da estratégia de expansão, o ANYMARKET já está integrado aos seguintes marketplaces latinos: Mercado Libre, Dafiti, Garbarino, Fravega, Linio e em breve Amazon e Wish.

Comments are closed.