55% dos homens acima de 40 anos deixaram de ir ao médico por conta da pandemia

Uma pesquisa feita pela Sociedade Brasileira de Urologia aponta que 55% dos homens acima de 40 anos deixaram de fazer alguma consulta ou tratamento médico em função da pandemia da COVID-19. Ainda, 57% desse grupo acima dos 40 anos afirmaram ter percebido um impacto negativo na saúde, incluindo 9% que consideravam que a sua saúde estaria pior do que antes.

Outra pesquisa, realizada pelo Centro de Referência em Saúde do Homem, aponta que 70% das pessoas do sexo masculino vão a consultas médicas acompanhados das mulheres ou dos filhos e mais de 50% dos homens só procuram tratamento quando algum sintoma atrapalha muito a rotina.

Um corpo em equilíbrio, junto a uma dieta balanceada, contribui para o controle de doenças crônicas, melhora da capacidade cognitiva e saúde em geral. “O público masculino não está acostumado a fazer consultas de rotina. Doenças cardiovasculares, que afetam mais esse público, além de diabetes, hipertensão, hipotireoidismo, ansiedade, obesidade e outros problemas podem ser evitados com um corpo em harmonia”, afirma a médica, clínica geral da Higia Clinic, Marcia Simões. Ela dá algumas dicas para manter a saúde dos homens em dia:

– Realize um check-up a partir dos 25 anos! Para avaliar e acompanhar o bom funcionamento do organismo;

– Mantenha o estresse sob controle! Ele faz a liberação acelerada de cortisol, adrenalina e noradrenalina, que reduzem o calibre dos vasos e, em longo prazo, potencializa o risco de hipertensão e arritmias cardíacas;

– Pratique exercícios físicos regularmente! Além do bem-estar físico e mental, a prática regular contribuir para o bom funcionamento do coração, da circulação sanguínea, da respiração e até da produção de hormônios;

– Tenha uma alimentação equilibrada! Reduza o consumo de açúcares e evite as bebidas alcoólicas. Uma boa alimentação traz inúmeros benefícios, como aumento da imunidade, melhora do humor e redução do cansaço, melhor qualidade de sono, prevenção do envelhecimento precoce e garante mais disposição para as atividades do dia a dia;

– Mantenha a testosterona em níveis adequados! A falta desse hormônio contribui para o aumento da depressão, além de ocasionar um aumento progressivo da gordura abdominal e diminuição da massa muscular.

“Cuidar da saúde é um ato de amor com a própria vida. É importante visitar o médico com frequência, ou sempre que sentir algum sintoma diferente do habitual por mais de três dias”, alerta Marcia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui