HOME Vida e Saúde Presidente da SBCP-PR dá orientações importantes na hora da escolha de um...

Presidente da SBCP-PR dá orientações importantes na hora da escolha de um cirurgião plástico

É durante o verão que o corpo fica mais à mostra, e muita gente resolve se cuidar mais para chegar nesta época do ano com a autoestima lá em cima. 

Dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica mostram que mais de 1,5 milhão de procedimentos estéticos são feitos no Brasil todos os anos. As cirurgias mais realizadas são lipoaspiração (15,5%), implante de silicone (14,1%) e abdominoplastia (10,4%).

Segundo a Dra. Anne Groth, cirurgiã plástica e presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – Regional Paraná (SBCP-PR), é preciso estar atento na hora da escolha do profissional, buscando referências sempre que possível e certificando-se de que o médico é especialista em cirurgia plástica.

“Vivemos numa época de muita informação, e às vezes fica difícil entender se o profissional influencer de rede social é, de fato, médico, e se o médico é, de fato, cirurgião plástico. Tem bastante gente dando opinião sobre assuntos dos quais não são experts. Então, o principal ponto é verificar se o médico é cirurgião plástico, e isso é possível checar no site da Sociedade”, alertou a especialista.

Ouça seu médico

Infelizmente, muita gente ainda vai à procura de uma cirurgia plástica por modismo, ou porque determinado famoso fez. Para a Dra. Anne, é importante conscientizar o paciente sobre a real necessidade do procedimento e explicar que o que funcionou para o outro pode não funcionar para ele.

“Escolher um profissional adequado é fundamental para que ele possa orientar o paciente da melhor forma e verificar se esse procedimento é o mais indicado no caso dele, passando orientações individualizadas. Uma conversa franca é importante para alinhar as expectativas do paciente com o que o médico consegue oferecer de resultado”, ressaltou a médica.

Outro ponto importante para o bom planejamento de uma cirurgia plástica é que o paciente esteja em bom estado de saúde e tenha hábitos saudáveis, diminuindo, assim, o risco de complicações.

Busque referências

Dados de 2020 da “Demografia Cirurgia Plástica”, da SBCP, mostram que no Brasil são mais de 6 mil cirurgiões plásticos; só no Paraná, são quase 400 profissionais. Afinal, como fazer uma escolha segura do médico? Segundo a Dra. Anne, a boa e velha recomendação ajuda a evitar surpresas.

“Conhecer alguém que já operou com esse profissional, ou a indicação de algum resultado que tenha gostado, é bem importante. Outra dica é tomar bastante cuidado com as redes sociais, porque nem sempre a quantidade de seguidores está relacionada à expertise ou qualidade técnica do médico. Então, esse não pode ser o parâmetro mais importante para escolher um profissional”, apontou a presidente da SBCP-PR.

Escolher um profissional pelo valor da cirurgia é outro ponto que deve ser levado em consideração. “Tome cuidado com os preços. Em muitos casos, alguns pacientes acabam escolhendo o profissional exclusivamente pelo valor. De fato é algo que deve ser levado em conta, mas que não deve ser o único. Se o valor estiver muito distante do que se pratica na média de cada cidade, é bom ficar atento”, completou Anne.

Cirurgias feitas no verão

Para quem vai fazer uma cirurgia plástica ainda neste verão, é bom seguir as orientações do médico e ter os devidos cuidados no pós-operatório.

“No verão, principalmente, cuidar com a exposição solar. O sol diretamente numa cicatriz muito recente pode levar à alteração de cor dessa cicatriz ou até manchas. Então, a recomendação geral é que se evite sol diretamente na área operada por dois meses, usando sempre protetor solar e chapéu para evitar o sol direto no local”, finalizou a especialista.

SEM COMENTÁRIOS

Sair da versão mobile