HOME Entretenimento Cultura Orquestra Paranaense de Tango chega com música e dança no interior do...

Orquestra Paranaense de Tango chega com música e dança no interior do Paraná

Rodolfo Ribeiro Foto e Video 2 (1)

Orquestra apresenta espetáculo de graça que conta a história do tango, abrindo as cortinas de 2024 com uma turnê por oito cidades do Paraná.

A Orquestra Paranaense de Tango inicia a agenda de 2024 explorando novos horizontes, com uma turnê por oito cidades do Paraná. No Norte do Estado, o grupo chega no dia 27 para uma apresentação em Ibiporã, no Cine Teatro Padre José Zanelli; dia 28 em Ortigueira, no Centro Cultural Queimadas; e dia 29 em Telêmaco Borba, na Casa da Cultura – Centro Cultural Eloah Martins Quadrado.

A entrada é gratuita, e os ingressos estão sendo distribuídos no seguinte link: https://linktr.ee/oprtangopr. No dia do concerto, será realizada uma campanha de arrecadação de alimentos não perecíveis, que serão doados a instituições locais.

A turnê passará por oito cidades do Estado. As próximas cidades são Palmeira, Lapa e Castro, nos dias 2, 3 e 11 de maio respectivamente. Todas elas terão tradução em Libras, garantindo acessibilidade ao público. Acompanhe a programação no Instagram @oprtango.

Para as viagens foi criado um programa inédito: “Uma Breve História do Tango” no qual a Orquestra será acompanhada por performances de dança de quatro dançarinos Nina Rodrigues, Julian Cazuni, Luciane Reche e Haryel Silva mostram a essência do tango e suas diversas modalidades.

As obras propõem um passeio histórico a partir dos anos 20, explorando tanto a dança quanto a música que ostentam o título de Patrimônio Imaterial da Humanidade pela UNESCO. O repertório abrange diversas fases do Tango, desde os clássicos mais antigos até composições contemporâneas, incluindo obras de renomados compositores como Eduardo Arolas, Carlos Gardel e Astor Piazzolla.

As músicas foram preparadas para esses concertos para conduzir o público a uma viagem através da história. “Pensamos nelas em uma sequência cronológica, os tangos desde sua origem, auge e contemporâneo. Elas entram no repertório da orquestra para que possamos passar, mesmo que brevemente, por todas as fases do tango”, comentou Rafael Rodrigues, coordenador geral e contrabaixista do grupo.

O Projeto foi aprovado no Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura – PROFICE, da Secretaria de Estado da Cultural –Governo do Paraná, com o apoio da COPEL e da HAVAN, com produção de Josnel Garcia de Carvalho.

Músicos

A Orquestra Paranaense de Tango, cuja formação remete às primeiras orquestras do gênero, traz como destaque o bandoneón, instrumento típico das primeiras gerações do tango, habilmente tocado pelo argentino Martín Mirol, residente no Brasil há 25 anos, traz autenticidade à música da OPRT. Durante o espetáculo, o músico, que também é especialista nesse estilo cultural, comenta curiosidades, o significado das músicas e um pouco sobre a história do ritmo argentino.

A Orquestra também é formada por músicos de trajetórias sólidas em grupos de Curitiba, como a Orquestra Sinfônica do Paraná e a Camerata Antiqua de Curitiba, são eles: Dan Tolomony e Vitor Andrade (violinos), Jader Cruz (viola), Marcus Ribeiro (violoncelo),Rafael Rodrigues (contrabaixo), Davi Sartori (piano) e Victor Gabriel(clarinete).

Bate-papo

Após cada concerto, haverá sessões de bate-papo abertas ao público nas quais os músicos e bailarinos estarão disponíveis para discutir sobre os instrumentos, os compositores, a dança e outras curiosidades relacionadas ao Tango. Essa interação tem como objetivo não apenas educar, mas também inspirar uma nova geração de apreciadores da arte do Tango.

Biografia

A Orquestra Paranaense de Tango, estabelecida em 2023, emergiu como uma força vibrante na cena musical de Curitiba, cativando não apenas os aficionados pelo tango, mas também um público mais amplo, demonstrado pela lotação de todas nas suas apresentações na capital paranaense. O primeiro ano foi marcado por uma série de performances que conquistaram o coração do público curitibano. Desde o primeiro concerto na Capela Santa Maria em janeiro, até apresentações no Teatro Regina Casillo em maio, celebrando o Dia da Pátria Argentina, e um aparticipação especial na 40ª Oficina de Música de Curitiba.

O encerramento do ano aconteceu com o Tributo a Piazzolla, um momento especialmente marcante que fechou com chave de ouro o primeiro ano de existência do grupo.

Serviço
DE GRAÇA! A entrada é gratuita. Retire os ingressos no link: https://linktr.ee/oprtangoprNo dia do concerto, será feita uma campanha de arrecadação de alimentos não perecíveis que serão doados a instituições locais.

IBIPORÃ
Dia: 27/04 – Sábado, às 20h
Local: Cine Teatro Padre José Zanelli
Endereço: Av. Dom Pedro II, 368 – Centro, Ibiporã – PR

ORTIGUEIRA
Dia:28/04 – Domingo, às 18h
Local: Auditório Municipal e Centro Cultural Queimadas
Endereço: Próximo ao Lago Municipal – Av.Paraná – Centro, Ortigueira – PR

TELÊMACO BORBA
Dia: 29/04 – Segunda, às 20h
Local: Casa da Cultura – Centro Cultural Eloah Martins Quadrado
Endereço: Av. Chanceler Horácio Laffer, 1160 – Centro, Telêmaco Borba – PR

SEM COMENTÁRIOS

Sair da versão mobile