Patrocinador da Agrishow 2024, Sicredi se consolida como principal parceiro do agronegócio brasileiro

Com mais de 700 mil produtores rurais associados, instituição financeira cooperativa já desembolsou mais de R$ 42 bilhões nos primeiros meses do Plano Safra 2023/2024

A 29.ª edição da Agrishow, uma das maiores feiras agrícolas do mundo, será realizada de 29 de abril a 3 de maio, em Ribeirão Preto (SP), e deve atrair mais de 195 mil visitantes. O Sicredi é patrocinador do evento no qual levará soluções financeiras voltadas ao desenvolvimento do agronegócio brasileiro. A instituição financeira cooperativa, que tem mais de 7,5 milhões de associados e 2,7 mil agências em todo o país – sendo 375 no estado de São Paulo -, já desembolsou mais de R$ 42 bilhões aos produtores rurais nos primeiros nove meses do Plano Safra 2023/2024. O valor representa um crescimento de 15% em relação ao mesmo período do ano-safra anterior e foi concedido por meio de 250 mil operações.

“Participar da Agrishow é uma oportunidade única para manter a proximidade com o agronegócio e apresentar diversas soluções para os produtores, como consórcios, seguros, linhas de crédito, entre outras. O Sicredi é uma instituição que preza por um relacionamento próximo e busca compreender a realidade de cada associado. Na feira, temos a oportunidade de ouvir as demandas do setor e oferecer alternativas conforme as necessidades de cada um”, ressalta o gerente de Desenvolvimento de Negócios da Central Sicredi PR/SP/RJ, Gilson Farias.

Parceiro dos produtores rurais há mais de um século, o Sicredi é a segunda maior instituição financeira do Brasil em carteira agro com mais de R$ 85,3 bilhões, um apoio importante para o setor que representa aproximadamente 25% do PIB brasileiro. Vale destacar que a instituição financeira cooperativa foi o principal agente financeiro na concessão de recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em 2023.

No total, foram liberados R$ 8,2 bilhões pelo Sicredi em operações para pessoas físicas e jurídicas de micro, pequeno e médio porte, além de produtores rurais via BNDES no ano passado. A instituição financeira cooperativa também foi a principal repassadora de recursos para o agronegócio, com R$ 5,7 bilhões concedidos, aumentando em 37% o volume liberado.

Impacto positivo para pequenos agricultores e comunidade

Ainda, dos mais de 700 mil associados agro ao Sicredi, atualmente 95% são pequenos e médios produtores rurais. Somente em 2023, o Sicredi destinou mais de R$ 10,6 bilhões para apoiar pequenos produtores, com foco especial na agricultura familiar por meio do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar). Já na Safra atual (julho a março), foram mais de 140 mil operações via Pronaf, com um valor acima de R$ 9,3 bilhões.

“Buscamos oferecer condições justas para os produtores e temos interesse genuíno no fomento do agronegócio. Nossa rede de atendimento tem forte presença em regiões agrícolas – em mais de 200 cidades do Brasil, somos a única instituição financeira fisicamente presente, disponível para dar o suporte que os produtores necessitam”, destaca Thiago Rossoni, superintendente de Agronegócio do Sicredi.

Benefícios para produtor e prosperidade para o campo  

Os benefícios gerados pelo Sicredi no campo são amplamente reconhecidos por produtores rurais, como Elizeu Martins, de Batatais (SP). Com o financiamento obtido pelo Pronamp Rural (Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural), o associado ao Sicredi pôde reformar dois galpões de granja em sua propriedade. “Para mim, foi tudo de bom. É uma instituição muito boa, que nos deu a maior atenção; gostamos demais da cooperativa que nos ajudou a conquistar algo importante”, celebra Elizeu.

Recentemente, Elizeu também conseguiu a liberação de crédito para a instalação de painéis solares na propriedade. A linha é uma das diversas que se enquadra dentro do critério de Economia Verde para concessão de crédito, uma vez que gera impacto social e ambiental. Somente em 2023, a carteira de crédito para Economia Verde da instituição foi de R$ 51 bilhões, sendo que, deste total, R$ 5,8 bi foram para Energia Renovável e Sustentabilidade Ambiental.

No Brasil, o saldo da carteira de crédito do Sicredi destinada à energia solar e eficiência energética fechou 2023 com R$5,7 bi, considerando os produtos de financiamento e CPR Solar. Já nos estados do Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro, o total da carteira de crédito do Sicredi destinada à energia solar e eficiência energética alcançou R$ 1,2 bilhão em 2023, com mais de 31 mil contratos, beneficiando direta e indiretamente mais de 1 milhão de pessoas.

Apoio à agricultura feminina

No Sicredi, a carteira de crédito para a agricultura feminina também tem registrado um crescimento significativo. O montante total dessa classificação fechou 2023 com R$ 22,9 milhões, uma alta de 27% em comparação ao ano anterior. A associada e produtora rural Kellen Ramirez destaca a importância dessa parceria: “conheci o Sicredi logo que chegou na nossa região e ele veio com um forte propósito de trabalhar no agronegócio, com pessoas que realmente entendem sobre o setor. O gerente sempre me atendeu muito rapidamente, com educação, se colocando no meu lugar e me ajudando sempre”. A produtora também integra o Comitê Mulher da cooperativa, numa iniciativa que promove a equidade de gênero, o empoderamento e a capacitação das mulheres.

Sobre o Sicredi  

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento de seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. Possui um modelo de gestão que valoriza a participação dos mais de 7,5 milhões de associados, que exercem o papel de donos do negócio. Com mais de 2.700 agências, o Sicredi está presente fisicamente em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal, disponibilizando uma gama completa de soluções financeiras e não financeiras.  

Site do Sicredi: Clique aqui  

Redes Sociais: Facebook | Instagram | Twitter | LinkedIn | YouTube