Com quatro pedidos de patentes, EngeMOVI se gradua na Incubadora Tecnológica do Tecpar

A EngeMOVI é a mais nova empresa a se graduar no processo de incubação da Incubadora Tecnológica do Tecpar (Intec). A empresa, que atuou na modalidade residente no Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), deixa as instalações da incubadora com quatro pedidos de patentes de novos produtos na bagagem e um faturamento de R$ 1,2 milhão em 2014.
A empresa participou do processo de incubação da Intec por sete anos, período no qual desenvolveu tecnologias inovadoras a nível mundial, como o Hexaflex, robô que viabiliza técnicas de soldagem por atrito – um dos quatro projetos, entre mais de 50 desenvolvidos, que geraram pedidos de patente em nome da empresa.
Os sócios Gustavo Emmendoerfer, Ricardo Artigas Langer e Ethel Bozza Kapp, além do diretor técnico, Walter Antonio Kapp, receberam o diploma de graduação das mãos do diretor de Biotecnologia Industrial do Tecpar, Julio Salomão, e do gerente da Intec, Gilberto Passos Lima.
Do campus CIC do Tecpar, a empresa se mudou para um prédio comercial no bairro Hauer, também em Curitiba. “Estamos indo para um espaço maior para desenvolvermos grandes protótipos. O apoio e a infraestrutura da incubadora foi muito importante para chegarmos neste ponto”, conta Artigas.
A empresa se gradua com a expectativa de se tornar uma fabricante nacional de robôs. “Já estamos com projetos em andamento, em parceria com a iniciativa privada, para o desenvolvimento de diferentes tipos de robô na área de automação industrial e no segmento de energia, óleo e gás”, pontua o empresário.
O diretor de Biotecnologia Industrial ressalta que a graduação da EngeMOVI evidencia o empreendedorismo tecnológico inovador como um dos pilares da estratégia de negócios do Tecpar. “A graduação da empresa mostra que cada vez mais a incubadora do Tecpar cumpre seu papel no Estado para atrair, fixar e desenvolver empresas inovadoras de base tecnológica”, afirma Salomão.
De acordo com o gerente da incubadora, o tempo de cada processo de incubação na Intec pode variar devido ao grau de inovação dos projetos desenvolvidos com o apoio do Tecpar. “A Intec é um ponto de apoio para a criação de empresas inovadoras no Paraná e ao longo dos seus 25 anos apoiou empreendedores em um ciclo de desenvolvimento tecnológico”, pontua.
Conheça a EngeMOVI: www.engemovi.com.br
Intec
Fundada em 1989, a Incubadora Tecnológica do Tecpar é a primeira de base tecnológica do Paraná e a quinta do País. Duas vezes eleita a melhor incubadora do Brasil, tem sede em Curitiba e atuação também em Jacarezinho, no Norte Pioneiro.
Ao longo de seus 25 anos, a Intec já deu suporte tecnológico a mais de 90 companhias. No momento, sete empresas passam pelo programa de incubação: Instituto de Biologia Molecular do Paraná (IBMP), Grupo SaaS, 2IM Impacto Inteligência Médica, Beetech/Beenoculus, LOT América, Werker e i9algo.
Conheça a Intec: intec.tecpar.br/comoincubar
imprensa@tecpar.br
Na foto, da esquerda para a direita: o gerente da Intec, Gilberto Passos Lima; o diretor de Biotecnologia Industrial do Tecpar, Julio Salomão;  Ethel Bozza Kapp, sócia da EngeMOVI; o diretor técnico, Walter Antonio Kapp; e os outros sócios Gustavo Emmendoerfer e Ricardo Artigas Langer 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.