Espetáculo das Cataratas fica ainda mais bonito com a vazão sete vezes maior

O fenômeno El Nino também mudou a paisagem das Cataratas do Iguaçu, na fronteira do Brasil com a Argentina. O volume das quedas d’água aumentou quase sete vezes. O Rio Iguaçu atingiu ali o pico de 9,5 mil metros cúbicos de água por segundo. Em época de seca, a vazão normal no local é de 1,2 mil metros cúbicos de água por segundo. Já em períodos de chuvas intensas, costuma chegar a 1,5 mil metros cúbicos de água por segundo.

Por medida de segurança, o acesso à passarela foi interditado às 15h desta quinta-feira, 3. As passarelas do lado argentino, em Puerto Iguazú, também foram interditadas. Funcionários do Parque Nacional do Iguaçu iniciaram a retirada das grades de proteção.  Já o acesso à Trilha das Cataratas permanece aberto. Os passeios funcionam normalmente.

Espetáculo ainda mais bonito

O espetáculo da cheia torna ainda mais bonito o atrativo, que caminha este ano para bater um novo recorde de visitação. Entre janeiro e novembro deste ano, o Parque Nacional do Iguaçu teve o melhor movimento para o período de sua história e caminha rapidamente para o novo recorde anual.

A previsão é que no máximo até o dia 15 deste mês seja superado o total de 1.550.607 turistas que visitaram as Cataratas em 2014, atual recorde anual histórico. Em novembro, foram 149.373 visitantes, bem superior aos 138.350 registrados em novembro do ano passado. No acumulado deste ano, são 1.486.801 visitantes, ante 1.387.852 entre janeiro e novembro de 2014.

Fotos de arquivo (Alexandre Marchetti / Itaipu Binacional):

<imprensa.itaipu@cliptime.com.br>

20151120AM3725 20151120AM3717-Pano

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.