Núcleo Regional de Educação realiza evento para debater a Base Nacional Comum Curricular

 

          No próximo dia 8, representantes das escolas das redes municipal, estadual e particular de ensino de Maringá estarão reunidos para debater propostas para a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O evento, que está sendo organizado pelo Núcleo Regional de Educação com apoio institucional do Seinep/NORPR (Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Noroeste do Estado do Paraná), será realizado no auditório Dona Etelvina e em 15 salas da Unicesumar, a partir das 8 horas da manhã.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), a BNCC é uma construção coletiva que estabelecerá os objetivos gerais de aprendizagem a todos os estudantes, desde a creche até o Ensino Médio. A partir da BNCC, a ideia é chegar aos conhecimentos essenciais que os estudantes têm direito em cada área do conhecimento: Matemática, Linguagens, Ciências da Natureza e Ciências Humanas. O documento será um instrumento pedagógico que vai contribuir para o desenvolvimento do trabalho dos professores, pedagogos e direção e contará com a participação e acompanhamento dos pais no processo de ensino de seus filhos.

Segundo o presidente do Sinepe/NORPR, José Carlos Barbieri, o evento do próximo dia 8 tem grande importância para todos os envolvidos com a educação na cidade. “Será uma oportunidade ímpar de debater os conteúdos ideais e contribuir para a unificação dos currículos. Só com uma discussão ampla é que se poderá construir um documento abrangente e sintonizado com as necessidades atuais dos estudantes diante de todas as mudanças ocorridas nas últimas décadas. O Sinepe vê este momento como um marco na Educação nacional”, afirma.

A Secretaria de Estado da Educação do Paraná (SEED) promoverá, até março de 2016, várias ações junto às instâncias educacionais nos municípios para discutir a sistematização das sugestões paranaenses para a Base Nacional Comum Curricular. Durante um seminário estadual será apresentado um documento final com a proposta do Paraná, que será enviado para o Ministério da Educação. As propostas de todos os estados resultarão no documento final da BNCC.

No Paraná estão envolvidos na elaboração da BNCC, além da SEED, as instituições de ensino públicas e privadas, os movimentos sociais organizados e os segmentos relacionados à Educação.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.