Extra e Pão de Açúcar, maiores importadores de bacalhau do varejo brasileiro, trazem para esta Páscoa toda a variedade de Portugal e Noruega

As redes Extra e Pão de Açúcar já estão preparadas para atender a demanda por bacalhau na Quarema e na Páscoa deste ano. As redes importaram 25% a mais do que em 2016 e apostam em um crescimento de vendas de 10%, considerando um produto mais em conta do que ano passado, em função da redução do custo da matéria prima e da desvalorização cambial.

Os clientes já encontram nas gôndolas das redes o legítimo Porto Imperial (gadus Morhua), os tipos Ling, Saithe, Zarbo e Lascas, além de uma grande variedade de cortes especiais como lombos, filés, tequitos e corte para churrasco.

Foram negociados com os fornecedores noruegueses lotes com calibres especiais de gadus Morhua e Ling. São peixes grandes, que rendem lombos e uma excelente apresentação no prato final.

O bacalhau dessalgado caiu no gosto do consumidor e as redes varejistas vêm apostando cada vez mais nessa categoria, oferecendo uma variedade de cortes para melhor atender o público. Esse ano, a estimativa é de crescer 20% nessa categoria.

Extra e Pão de Açúcar apostam ainda em vários pescados de importação própria para essa Páscoa, com grandes volumes de Filé de Polaca Qualitá, Posta de Cação Qualitá e Filé de Merluza Argentina. Além dos itens diferenciados como bolinho de bacalhau português, sardinha portuguesa, arenque norueguês, patas de king crab e snow crab e polvo espanhol.

O salmão fresco continua sendo um dos carros chefes. Por meio do processo de importação própria, as redes oferecem preços competitivos para agradar aos bolsos dos clientes. Destaque também para o sushi próprio do Pão de Açúcar, serviço que já se tornou uma excelente opção para a ceia de Páscoa.

Nos itens nacionais, destaque para Tambaqui, Tilápia, Pintado, Pirarucu, Corvina e Tainha, o que irá garantir um almoço de Páscoa com preços acessíveis e muita qualidade.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.