Abertura da XXIV SNPTEE reúne especialistas em energia para debate e apresentação de tendências

O Teatro Positivo, na capital paranaense, foi o palco da abertura da 24ª edição do maior e maior importante evento do setor de energia elétrica do Brasil: o SNPTEE (Seminário Nacional de Produção e Transmissão de Energia Elétrica). A solenidade contou com autoridades e representantes do setor, que lotaram os mais de 2 mil lugares do auditório, para a sessão solene e a apresentação do espetáculo Quanthum Energia e Movimento, oferecido pela Cigré-Brasil e Copel.

Participaram da mesa o diretor de Estudos de Energia Elétrica da EPE, Amilcar Guerreiro; a conselheira da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, Talita Porto; o presidente da Chesf, subsidiária Eletrobras com atuação focada no Nordeste do Brasil, Sinval Zaidan Gama; o secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Fábio Lopes Alves; o presidente da Cibré Brasil, Josias de Matos Araújo; o presidente da Copel, Antônio Guetter; o diretor da Copel Geração e Transmissão, Sergio Luiz Lamy; a coordenadora do XXIV SNPTEE, Cíntia de Carvalho Toledo; e o diretor de assuntos corporativos da ONS, István Gárdos. Para o presidente da Copel, Antônio Guetter, é uma honra receber pela quarta vez em Curitiba o SNPTEE. “No ano em que completamos 63 anos de fundação e anunciamos uma série de investimentos de vanguarda no setor, recebemos os maiores expoentes do mercado em nossa casa”, afirma. E provoca a plateia – “a maior pergunta que precisamos responder, neste evento, é: qual é o legado que vamos deixar para as próximas gerações?”.

O XXIV SNPTEE segue até 25 de outubro, no Expo Unimed Curitiba, com o objetivo de disseminar conhecimento científico, divulgar novas tecnologias, ampliar o networking e promover a troca de experiências entre os participantes. Durante o evento, serão apresentados mais de 500 trabalhos técnicos sobre 16 temas principais: geração hidráulica; produção térmica e fontes não convencionais; linhas de transmissão; análise e técnicas de sistemas de potência; proteção, medição, controle e automação em sistemas de potência; comercialização, economia e regulação de energia elétrica; planejamento de sistemas elétricos; subestações e equipamentos de alta tensão; operação de sistemas elétricos; desempenho de sistemas elétricos; impactos ambientais; aspectos técnicos e gerenciais de manutenção; transformadores, reatores, materiais e tecnologias emergentes; eficiência energética e da gestão da inovação tecnológica; sistemas de informação e telecomunicação para sistemas elétricos; e aspectos empresariais e gestão corporativa.

Além disso, o SNPTEE conta com mais de 80 expositores que apresentam os lançamentos e tendências do setor – entre eles, Eletrobras, Itaipu Binacional, State Grid Brasil Holding, Siemens, Toshiba e Andritz Hydro. A visitação aos estandes é aberta ao público e gratuita.  O evento, que está na 24a edição, é promovido pelo Cigré-Brasil (Comitê Nacional Brasileiro de Produção e Transmissão de Energia Elétrica) e coordenado pela Copel.

 

SERVIÇO

XXIV SNPTEE (Seminário Nacional de Produção e Transmissão de Energia Elétrica)

Data: 22 a 25 de outubro de 2017

Local: Expo Unimed Curitiba (Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300 – Curitiba/PR)

Programação completa do evento e mais informações: www.xxivsnptee.com.br

Assessoria de imprensa: Central Press (41) 3026-2610 / centralpress@centralpress.com.br

 

Sobre o Cigré-Brasil

O Comitê Nacional Brasileiro de Produção e Transmissão de Energia Elétrica Cigré-Brasil – é uma sociedade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1971, que tem por objetivo promover o intercâmbio e desenvolvimento técnico, tecnológico, e da engenharia no Brasil, no campo da produção de energia elétrica, de sua transmissão em alta tensão e distribuição. Abrange basicamente os aspectos elétricos e eletromecânicos da geração de energia elétrica; estudos, projetos, construção, operação e manutenção de linhas de transmissão, subestações e equipamentos ou sistemas associados; planejamento eletroenergético de sistemas, isolados ou interligados e sua operação e racionalização ou conservação de energia; telecomunicações, controle e proteção em sistemas elétricos; desenvolvimentos e aplicação de materiais, equipamentos e sistemas eletro energéticos; desenvolvimento e aplicação de métodos e técnicas destinadas à análise e desenvolvimento dos sistemas elétricos de potência; e aspectos de regulação e mercado de energia, geração distribuída, meio ambiente e tecnologia de informação.

 

Sobre a Companhia Paranaense de Energia (Copel)

A Companhia Paranaense de Energia (Copel) é uma empresa de economia mista com 62 anos de atuação nas áreas de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, além de telecomunicações. A Copel atua em dez Estados brasileiros, mantendo e operando um robusto parque gerador e uma rede de transmissão em franca expansão. No ramo de distribuição de energia, a empresa atende aproximadamente 4,5 milhões de consumidores residenciais, comerciais e industriais no Paraná. Convidada pelo Cigré-Brasil, a Copel está organizando, pela quarta vez, o XXIV SNPTEE em Curitiba (PR).