Sinepe/PR realiza ciclo de palestras em Semana do Ensino Médio

Voltadas a professores e gestores educacionais, palestras vão de 5 a 9 de março no auditório do Sindicato das Escolas Particulares

Na contramão de um sistema escolar que conduz os alunos a falta de autonomia, passividade e aversão ao risco, como podemos nutrir nossos adolescentes a capacidade de conhecer a si mesmos, usar seus pontos fortes, desenvolver seu senso crítico e adquirir a confiança para se conectar com o seu propósito?  Começa nesta segunda-feira (5) e vai até sexta (9) a Semana do Ensino Médio, ciclo de palestras realizado pelo Sinepe/PR (Sindicato das Escolas Particulares) para professores, coordenadores e gestores educacionais.

“Para o Sindicato, é fundamental promover debates que tragam os assuntos mais importantes que afetam o dia a dia dos educadores e dos nossos alunos. Para isso, buscamos sempre trazer profissionais capacitados com experiência em suas áreas de atuação educacional”, afirma Esther Cristina Pereira, presidente do Sinepe/PR.

A Semana do Ensino Médio acontece no auditório do Sinepe/PR (Rua Guararapes, 2028, Vila Izabel, Curitiba/PR) com palestras de segunda a sexta, das 19h às 21h. Entre os temas que serão abordados estão a reforma no Ensino Médio, a nova Base Nacional Comum Curricular, o futuro da educação, a responsabilidade social dos alunos enquanto futuros cidadãos e a prevenção de conflitos na escola. As inscrições vão de R$ 40 (para instituições de ensino associadas) a R$ 70 (para as não associadas) e as vagas são limitadas a 90 participantes por palestra.

 

Semana do Ensino Médio – Sinepe/PR

Data: De 5 a 9 de março (segunda a sexta), das 19h às 21h

Local: Auditório do SINEPE (Rua Guararapes, 2028 – Vila Izabel)

Vagas: 90 vagas (cada palestra)

Investimento:

R$ 40,00 – para instituições de ensino associadas

R$ 70,00 – para instituições de ensino não associadas

PALESTRAS

5 de março (segunda)

Novo Ensino Médio e o Enem – Álvaro Moreira Domingues Jr

A BNCC, a reforma do Ensino Médio e o PPP (Projeto Politico Pedagógico):  análise e debate propondo um currículo dialógico e integrador. Presidente do Sinepe/DF, Álvaro Moreira Domingues Jr também preside o Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação.

 

6 de março (terça)

Educação reinventada. O futuro é agora–TenileVicenzi  e Isabella Collares

Tenile Vicenzi é publicitária, pós-graduada em Dinâmica dos Grupos e Gestão Empresarial. Desde 2014 investiga modelos inovadores de educação e é facilitadora de processos de aprendizagem com jovens e educadores. Já Isabella Collares é publicitária e jornalista especialista em Educomunicacao. Foi Professora de alfabetização e Ramain no Colégio Sion. Hoje atua como palestrante motivacional e coordena a área de comunicação do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Santa Catarina.

 

7 de março (quarta)

Responsabilidade social e o papel do cidadão na transformação da sociedade –Marcio Barros

O objetivo dessa palestra é esclarecer alguns pontos que, com frequência se confundem. O que é responsabilidade social? Filantropia? Voluntariado? Terceiro Setor? Termos que cada vez mais estão inseridos no nosso linguajar diário, mas muitas vezes confundimos. A ideia é explicar tudo isso e fomentar a ideia de que participar de algum projeto social é uma via de duas mãos. Márcio Barros é jornalista, especialista em Gestão de Políticas Públicas e Cidadania, e especialista em Gestão de Segurança Pública e Privada

 

8 de março (quinta)

#PARTIU ENSINO MÉDIO – O EM no contexto nacional: provocações geradoras de um novo modelo Inquietações diante da mudança

–Lucia Izabel Czerwonka Sermann

E agora? Como fica a escola? Customização ou inovação pedagógica? Formação ou profissionalização? Tecnologias como instrumentos de aprendizagem? Qualificação mais no “saber-ser” do que no “saber-fazer”. Alinhamento dos saberes formais, teóricos, práticos e tácitos para resolver problemas e enfrentar situações imprevistas. Articular os saberes e o conhecimento para superar os desafios presentes no cotidiano. Atuando desde 1974 na área de docência na educação superior, na coordenação de cursos de especialização e de mestrado, instalando programas de avaliação e qualidade dos processos de ensino superior, a Dra. Lucia Sermann também atua junto à educação básica desenvolvendo programas de orientação da aprendizagem e planejamento das atividades das organizações educacionais.

 

9 de março (sexta)

Prevenção de conflitos na escola: É Conversando que a Gente se Entende –Luiz Carlos Andrade

Trabalhar os Conflitos Visíveis e Não Declarados, mas que Impactam a Escola. Conflito é oportunidade. Transformar ao invés de resolver simplesmente. Luiz Carlos Andrade é assistente social com especialização em Pedagogia da Cooperação e Jogos Colaborativos (Projeto Cooperação e UNIBR), Terapia de Família e Grupo (Instituto Logos), Sociologia e Gerência de Projetos Sociais (UFRJ). Especialista em Estudos de Paz e Transformação de Conflitos (Chancelado pela Cátedra de Paz da UNESCO, Universidade de Innsbruck, Áustria e Instituto Santa Bárbara, EUA).