Japão participa da Copa do Mundo, mas também faz sucesso fora dos gramados

O Japão está longe de ser um país que se destaca pelo futebol. O máximo que chegou em Copas do Mundo foi nas oitavas de final, em 2002 e 2010. Neste ano, o Japão chega à Rússia para repetir os feitos de edições anteriores, mas sem chances de almejar o grande título.

No que diz respeito ao turismo, o Japão se destaca pelo seu lado místico, cheio de contrastes com o ocidente. São inúmeros os pontos a serem descobertos: a capital Tóquio, os templos da cidade-relíquia de Kyoto, o deslumbrante Monte Fuji, as cerejeiras em Okinawa ou Hokkaido, além das cidades de Osaka, Hiroshima, Nagasaky entre outras.

Mesmo que as visitas possam acontecer em todas as épocas do ano, indica-se visitar o Japão entre março e maio, época da primavera. "Nesse período, o país é palco da sakura, época em que as cerejeiras começam a florir. O outono também é uma boa época, devido às temperaturas amenas e cores irresistíveis", destaca o CEO da Travely, Renan Tavares.

A lista de patrimônios mundiais no Japão é extensa, que vão do emblemático Castelo Himeji aos monumentos históricos de Kyoto, Nikko e Nara. O Memorial da Paz de Hiroshima, que ganhou o título em 1996 é uma das paradas obrigatórias para os turistas. Obras arquitetônicas, templos e santuários também fazem com que a visita ao Japão seja única.

Também chamam atenção a modernidade e a tecnologia japonesas. O país é repleto de restaurantes de alto padrão e hotéis muito confortáveis. O Shinkansen- o famoso trem bala ajuda a transitar entre cidades que oferecem a tradição e cultura japonesas na sua essência, ou agito da grande cidade. "Um dos principais destinos dos turistas é encontrar a incrível vista do Monte Fuji, que pode ser apreciada desde um dos diversos lagos, como oAshii e o Kawaguchi", finaliza oCEO da Travely, Renan Tavares.

Serviço:

Travely Operadora de Turismo

www.travely.com.br

0800 649 1111

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu