CS Loverboy lança novo disco, Memória Colorida

Cantor, compositor e multi-instrumentista carioca, CS Loverboy apresenta um caleidoscópio de emoções e sonoridades no seu segundo álbum, “Memória Colorida”. Transformando em música o turbilhão de sentimentos que o atual momento provoca, o artista faz uma leitura moderna de referências da música brasileira e da psicodelia.

Ouça “Memória Colorida”: https://tratore.ffm.to/memoria-colorida

Após um álbum de estreia – “Amarelo Primavera”, lançado em 2018 -, CS Loverboy surge com uma identidade musical e estética mais amadurecida. Não por acaso, amplia seu repertório para outras tantas cores, reveladas nos singles “O velho coração de pedra”, “O que restou” e “Bubble Gum”, lançados ao longo de 2020. Agora, “Memória Colorida” chega para apresentar essa narrativa completa de vulnerabilidade diante do que não podemos controlar.

Assista ao clipe “O que restou”: https://youtu.be/YtL7_sANe7o

Assista ao clipe “Bubble Gum”: https://youtu.be/jQ7BidMZM5Q

“O álbum foi feito todo durante a pandemia, um momento onde fomos obrigados a encarar o nosso ‘eu interior’ e lidar sem desculpas com diversas emoções. Então o trabalho conta sobre a nossa relação com esse mix de sentimentos, emoções e memórias que vieram à tona nesse momento. Reflete sobre como lidar com elas, e principalmente como deixar as ‘memórias coloridas’ irem embora, em paz… São 8 faixas que apresentam um universo intimista e passeiam numa montanha russa de sentimentos, desde explosivos, resilientes, românticos e melancólicos. O disco apresenta com clareza essa tentativa de descrever com delicadeza os seus sentimentos e entregar em forma de ondas sonoras para os seus ouvidos”, resume o artista.

As diferentes facetas de CS Loverboy foram ganhando forma ao longo dos anos, com a primeira mixtape surgindo em 2012 com poemas musicados em gravações caseiras. Em 2014, circulou pelo país com projetos coletivos, onde desenvolveu suas experiências de palco. Em 2017, foi convidado pelo canal Pineapple a gravar um single solo, chamado “Altitude”, onde questiona o negócio da música. No ano seguinte, viria uma guinada sonora com o álbum “Amarelo Primavera” e CS Loverboy assinando todos os instrumentos e vocais, composições, mixagem e masterização. O disco ganhou dois clipes, “Gaivota Azul” e “A Noite Nunca Acaba”.

Assista ao clipe “Gaivota Azul”: https://youtu.be/mNnv4hbH8pg

Assista ao clipe “A noite nunca acaba”: https://youtu.be/0caLcrrMpIw

Em 2019, fundou a banda Os Jardineiros Esfomeados para dar vazão a composições fora do escopo de seu álbum de estreia. E, já em 2020, começou a trabalhar no que viria a ser “Memória Colorida”. O disco apresenta 8 faixas intimistas e uma sonoridade mais orgânica, incluindo instrumentos como violão, teclado, saxofone e baixo e até sons experimentais, como objetos fazendo a vez de percussão. 

Se antes CS Loverboy era fruto de explorações caseiras, em “Memória Colorida” surgem colaborações com instrumentistas em ascensão no cenário carioca – Guilherme Esteves e Filipe Pascual, ambos integrantes do grupo Jardineiros Esfomeados; e Gilberto Cesar.

Embora também gravado em casa devido à atual pandemia, o novo álbum se mostra um marco evolutivo na sonoridade de CS Loverboy, ampliando estéticas e ressignificando referências da música brasileira, do indie e da psicodelia em um balaio de emoções e sons. O disco está disponível nas principais plataformas de streaming.

Ouça “Memória Colorida”: https://tratore.ffm.to/memoria-colorida

Ficha técnica

Todas as composições são do Cs Loverboy.

Músicos convidados: Xulli (Filipe Pascual), Vasconcelos Sentimento (Gui Estves), Gilberto Cesar, Léo Israel e Chico Barbosa.

Mixagem e Masterização: Cs Loverboy

Fotografia da Capa do Álbum: Victor Motta

Produção Executiva: Coletivo Buir Crtv (Luis Luix, Marco Antônio e Matheus Mello)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Assine a nossa newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui