Continuação dos estudos é o caminho para promoção e aumento do salário

Consultor de carreira aponta principais dificuldades dos alunos em manter seus estudos em meio à pandemia

          

Segundo o relatório Education at a Glance, da OCDE, o brasileiro formado no ensino superior ganha, em média, mais que o dobro (140%) de quem só cursou o ensino médio. Com a pós-graduação, é possível ganhar um salário mais de quatro vezes maior (350%) na comparação com quem só se formou no ensino médio. Porém, mais de 70% dos jovens entre 18 e 24 anos não se formou no ensino superior nem está cursando faculdade atualmente.

A pandemia da COVID-19 impactou fortemente a continuação dos estudos dos brasileiros. Muitas escolas fechadas não ofereceram a continuação dos estudos durante o período, que já dura um ano e dois meses. “A educação é essencial para uma melhor colocação no mercado de trabalho. Além de trazer melhor remuneração, permite que esses trabalhadores não parem no tempo: estejam atualizados e continuem sendo vistos como fundamentais nas empresas em que trabalham”, afirma o professor e consultor de carreira da ESIC Internacional, Alexandre Weiler.

Divulgada em novembro de 2020, a pesquisa “TIC Covid-19”, aponta que 56% dos alunos que não estudaram na pandemia apontaram como motivo a busca por emprego. Os dados também mostram que 32% dos entrevistados afirmam que deixaram de estudar porque a escola não ofereceu aulas ou atividades do curso. De acordo com a pesquisa, a dificuldade de tirar dúvidas com professores foi a principal barreira para acompanhar as aulas, apontada por 38% dos entrevistados, seguida por baixa qualidade de conexão ou a inexistência dela (36%), falta de estímulo para estudar (33%) e a baixa qualidade das aulas (27%).

Segundo o consultor, a qualidade das aulas influencia diretamente na motivação dos alunos. “Quem estuda tem dúvidas, precisa trocar experiencias e, principalmente, fazer networking, chave do sucesso profissional. É preciso procurar cursos de formação que oferecem essas ferramentas, mesmo que no mundo online”, afirma.

Resultado de uma parceria firmada com o Google for Education, a ESIC Internacional não interrompeu as aulas dos alunos do ensino fundamental do Colégio Internacional ESIC e também dos alunos de graduação, dos cursos de Bacharelado em Administração, Negócios Internacionais e Tecnologia em Gestão Comercial.     Devido à pandemia de COVID-19, todas as aulas foram realizadas no ambiente online, nos mesmos turnos e horários que eram feitos presencialmente. “Conseguimos transferir 100% da nossa atividade presencial para o ambiente online. A ferramenta possibilita um ambiente muito promissor para a troca de aprendizado, inclusive conseguimos até realizar trabalhos em grupo por meio delas”, afirma Weiler. O consultor lembra que com o afrouxamento das medidas restritivas, hoje o aluno precisa ter o direito de escolha entre estar no presencial e no virtual. “Adotamos o ensino híbrido, no qual os alunos online assistem e participam das mesmas aulas presenciais, possibilitando a troca entre eles e o contato direto e ao vivo com o professor”, explica.

Weiler ainda alerta para que se mantenha a continuidade dos estudos. “Pensamos que as escolas ficariam algumas semanas paradas e já se passaram mais de um ano e dois meses dessa situação. É importante manter os estudos em dia, e acima de tudo, buscar cursos de atualização pois o mercado profissional está em contante mutação e exige cada vez mais conhecimento dos seus profissionais”, finaliza.

Um levantamento da Austin Rating, a partir das projeções do último relatório do FMI, aponta que o Brasil deve ter a 14ª maior taxa de desemprego do mundo em 2021, ultrapassando a taxa de países como Colômbia e Peru.

Sobre a ESIC Internacional:

A ESIC é uma Business School Internacional especializada em Gestão de Negócios e  Marketing. Com mais de 50 anos de experiência, possui matriz em Madrid e Barcelona, 10 campus na Europa, campus brasileiro em Curitiba, acordos e convênios nos 5 continentes, especialmente E.U.A., Índia e China. A instituição atua em oito áreas: Graduação, Pós-Graduação (Master e MBA), Executive Education (cursos avançados e sob medida para empresas e formação in company), Módulos e Missões Empresariais Internacionais, ESIC Idiomas (Escola de idiomas Internacional), Colégio Internacional, Simuladores/Competições Empresariais Globais e ESIC Editora (com tradição em publicações renomadas, atualizadas e especializadas em Gestão de Negócios e Marketing). Para garantir respaldo internacional aos certificados de seus alunos, a ESIC está entre o seleto grupo que segue os padrões do Executive MBA Council (Conselho Internacional de MBAs), é membro da EFMD (European Foundation for Management Development), AACSB (Associationto Advance Collegiate Schools of Business of USA), AMBA (International Association of MBAs) e CLADEA (ConsejoLatinoamericano de Escuelas de Administración).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui