Pilar Hospital lança Centro de Cirurgia Endoscópica da Coluna

Problemas na coluna são a 3ª causa de aposentadoria por invalidez no Brasil

Pilar Hospital lança Centro de Cirurgia Endoscópica da Coluna
Crédito: Rafael Danielewicz

A partir desta semana (09/02) o Pilar Hospital passa a contar com um novo Centro de Cirurgia Endoscópica da Coluna, voltado para atender pacientes com quadros de dor relacionadas a hérnias de disco e estenoses do canal (estreitamento do canal) que causam compressão dos nervos, que atormenta muitos homens e mulheres no país.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), dor nas costas é o problema de saúde mais comum entre os brasileiros e atinge mais de 16% da população ativa. A Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta que 80% da população já teve ou terá dor na coluna. A dor lombar é a segunda maior causa de ida dos pacientes aos consultórios médicos; só perde para a dor de cabeça.

O Centro de Cirurgia Endoscópica da Coluna reúne técnicas de cirurgia minimamente invasivas e, por isso, menos traumáticas. Há uma ênfase nos procedimentos endoscópicos, aqueles realizados por vídeo, possibilitando que o paciente possa, na maioria dos casos (e sem outras comorbidades) ter alta e voltar às atividades do dia a dia mais rapidamente.

O cirurgião ortopédico Dr. Jonas Lenzi explica que essa é uma técnica moderna no qual são introduzidos uma câmera e instrumentos de alta precisão diretamente no alvo do problema, através de uma pequena incisão. “Com esses instrumentos e com ajuda da câmera de vídeo, enxergamos mais claramente a compressão das estruturas nervosas”, destaca.

O especialista diz ainda que o procedimento visa diminuir a dor nos pacientes. “Com esse procedimento é possível reduzir mais de 80% a dor da hérnia de disco, o que representa uma melhora imensa na qualidade de vida dos pacientes”, afirma.

Outra boa notícia é que a técnica entrou no Rol da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) em fevereiro de 2021, com a Resolução Normativa (RN) nº 465/2021, tendo assim a cobertura do procedimento pelos planos de saúde.

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui