Grupo Senzala destaca tecnologia e diversificação para a sustentabilidade empresarial, em vídeo institucional

Como uma empresa consegue se manter no mercado imobiliário por mais de 40 anos? O vídeo institucional do Grupo Senzala, de Curitiba (PR), que acaba de ser veiculado nos perfis da empresa nas mídias sociais, oferece algumas respostas para essa que é uma das principais questões da gestão empresarial. O material, produzido pela IMOVIDEO, traz o depoimento do fundador da Senzala Imóveis, Marcos Coutinho, e da diretora Augusta Coutinho Loch, que representa há mais de 20 anos a segunda geração na administração da imobiliária. Desde 2004, a empresa também conta com uma unidade de negócios no setor de seguros, a Senzala Corretora de Seguros, e seu diretor, André Coutinho, aponta os diferenciais para fidelizar os clientes. O material audiovisual contém ainda depoimentos de clientes.

A Senzala Imóveis, uma das empresas do Grupo Senzala, atua nas áreas de locação e venda de imóveis usados, novos, locações, avaliações e administrações de bens. Além da capital e do litoral paranaense, trabalha com imóveis comerciais, industriais e residenciais em São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, desde o segmento econômico até o de alto padrão. A imobiliária participou de projetos emblemáticos da capital paranaense, como a implantação do Shopping Mueller, na década de 70, e a criação da Cidade Industrial de Curitiba, na década de 80. Mais recentemente, nos anos 2000, participou da elaboração do projeto do Park Ecoville, primeiro stripcenter de Curitiba (local em que se encontra um conjunto de serviços básicos aos moradores) e da instalação do Complexo Logístico Parque Itaqui, inaugurado em São José dos Pinhais, no ano passado.

Para o fundador da empresa, Marcos Coutinho, a tecnologia está causando uma verdadeira revolução no modo de anunciar, alugar e vender imóveis. “O começo do negócio foi na base do ‘boca a boca’. Eu trabalhava numa loja de automóveis e um dia um corretor de imóveis, meu amigo, passou lá e deixou uns apartamentos para eu vender. Um outro amigo disse que queria aplicar o dinheiro da herança em Curitiba, eu intermediei a negociação e vendi 12 apartamentos. Desde então, vender carro passou a não valer mais a pena e eu abri a imobiliária. Hoje, é nítido que a internet substituiu boa parte desse processo pessoal”, comenta.

 

Tecnologia – Tendo em vista esse novo cenário, a imobiliária reforçou os investimentos no meio digital. Segundo a diretora da Senzala Imóveis, Augusta Coutinho Loch, atualmente, oito em cada dez clientes atendidos pela imobiliária para a compra ou locação do imóvel vêm pela Internet. Em função disso, 80% dos investimentos da empresa reservados ao marketing e comunicação são destinados a ações online, via site, redes sociais, e-mail marketing e newsletter. Há dez anos, esse montante era de 20%. “Estamos aproveitando a atual momento econômico para investir na atualização e ampliação das ferramentas digitais da própria empresa, com a criação de um novo site e de um aplicativo, que devem ser lançados no próximo mês”, revela.

A imobiliária também abriu um canal no Youtube e investiu na produção de vídeos curtos de alguns de seus imóveis para veiculação nos canais e perfis institucionais da empresa, assim como em portais imobiliários. Augusta conta que os materiais também estarão disponíveis no novo site da empresa. Mesmo com essa evolução, a proximidade e pessoalidade no atendimento ainda são diferenciais, especialmente para a venda do imóvel. É o que os próprios clientes revelam. “Quando a gente procura um imóvel, idealiza o que quer, mas tem muitas dúvidas. A imobiliária me orientou nesse processo. Eu falava que nunca ia morar em casa, mas quando entrei nela, tive a certeza de que eu queria morar aqui”, relata a jornalista e cliente, Fabbi Cunha Muricy.

Já na locação, o diferencial fica por conta da eficiência do serviço prestado. “Faz uns 10 anos que eu trabalho com a empresa, no mínimo. Como proprietária, o mais forte para mim é que não precisa do meu envolvimento para nada. São eles que me representam junto aos locatários. Quando a gente tem algum problema eles resolvem direto. Eu gosto muito dessa pró-atividade”, revela a empresária e cliente, Paola Noguchi.

Diversificar as atividades também é um item importante para manter a empresa sustentável e competitiva no mercado. Assim, desde 2004, o Grupo Senzala conta com uma unidade de negócios voltado à venda de seguros, a Senzala Corretora de Seguros, que surgiu de uma demanda dos próprios clientes da imobiliária na área condominial e de fiança. Para o diretor da corretora, André Coutinho, entender a necessidade do cliente é requisito fundamental para se manter nesse ramo. “O diferencial de uma corretora de seguros não é só venda do produto em si ou o melhor preço, mas principalmente a prestação de uma consultoria para atender efetivamente a necessidade do cliente”, defende.

O vídeo institucional do Grupo Senzala está em: https://www.youtube.com/watch?v=L3kT1RUk2m8

a2cded80-647f-4171-94c0-d008009cce86

contato@memilia.com

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.