Últimas

23 empresas do oeste vão receber Selo de Qualidade no Turismo do Paraná

Cerimônia acontece nesta sexta-feira (17), às 18h30, em Curitiba; no total, 120 pequenos negócios do setor de todo o Estado serão reconhecidos

Nesta sexta-feira (17), 120 empresas paranaenses receberão o Selo Qualidade do Turismo do Paraná em Curitiba. Destas, 23 são do oeste do Paraná. O reconhecimento se deve ao trabalho de cerca de um ano, no desenvolvimento de melhorias nos processos de gestão e qualidade na prestação dos serviços. As empresas que receberão o selo são participantes do ciclo 2016/2017 do programa Selo Qualidade do Turismo do Paraná e atingiram, no mínimo, 80% nas análises de conformidade nos critérios de qualidade do programa, índice que as diferenciam na sua área ou segmento de atuação.

Segundo o consultor do Sebrae/PR em Foz do Iguaçu, Ricardo Flores, as empresas estiveram engajadas e comprometidas em conquistar excelência em qualidade de gestão. “A conquista do Selo garante que a empresa cumpriu com uma série de requisitos de modelos de qualidade tanto em relação à gestão empresarial quanto à prestação de serviços. O Selo assegura diferencial competitivo a esses pequenos negócios e pode, inclusive, abrir novos mercados”, destaca.

Para a consultora do Sebrae/PR, Danieli Doneda, que atua com o programa em Cascavel, o Selo é importante para empresas de turismo. “O cliente de turismo geralmente não conhece a empresa pessoalmente. Antes da escolha de um hotel, por exemplo, recorre a sites, indicações de outros turistas. O Selo pode servir também de referência, pois avalia, além de atendimento e infraestrutura, a gestão, a legalidade, a seriedade dessas empresas”, complementa a consultora.

A cerimônia de entrega do Selo para as 120 empresas paranaenses será no Expo Unimed Curitiba, mesmo local onde acontece o 23º Salão Paranaense de Turismo, a partir das 18h30 e marca o encerramento das ações do ciclo 2016/2017 do Programa Selo de Qualidade do Turismo do Paraná. O ciclo contou com a participação de 160 micro e pequenas empresas do setor, atuantes nos segmentos: meios de hospedagem (hotéis, resorts, hostels, flats e pousadas), estabelecimentos de gastronomia turística (restaurantes, bares, lanchonetes), agências de turismo receptivo, organizadoras de eventos, locadoras de veículos, empresas de transporte turístico e espaços para eventos.

Região

As empresas do Oeste do Paraná que receberão o Selo na categoria Organizadores de Eventos são: W4 Eventos, de Cascavel; e De Angeli, de Foz do Iguaçu. Na categoria Gastronomia, Rubayá Sfiha, Restaurante Armazém e Cadilac American Burguer, de Cascavel; e as Churrascarias do Gaúcho (Vila Portes, Marechal e República), de Foz do Iguaçu. Na categoria Receptivo, as empresas de Foz do Iguaçu, Bliss Receptivo & Eventos, Igu City Bus, Martin Travel e Natural Travel, também receberão o reconhecimento.

No segmento de Meios de Hospedagem, o hostel Concept Design e os hotéis Cataratas Park, Del Rey, Nadai Confort, Pietro Angelo, Rafain Centro, San Juan Eco, San Juan Tour, Iguassu Holiday, ambos em Foz do Iguaçu; além do Hotel Praia Sol, de Santa Terezinha de Itaipu; e Harbor Querência Hotel, de Cascavel; serão os certificados com o Selo Qualidade do Turismo do Paraná na categoria.

“O Selo reconhece publicamente que essas são empresas que têm se dedicado diretamente a ser referência de atendimento, de gestão, de responsabilidade com a comunidade e com o cliente que ela atende. Para o cliente, o Selo é uma validação, uma tranquilidade em procurar os serviços prestados por essas empresas chanceladas”, argumentam os consultores do Sebrae/PR, Danieli e Ricardo.

O Programa

O Programa Selo de Qualidade do Turismo do Paraná é desenvolvido pelo Sebrae/PR em parceria com Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Paraná (ABIH-PR), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Paraná (Abrasel-PR), Associação Brasileira de Agências de Viagens do Paraná (Abav-PR), Associação Brasileira de Empresas de Eventos do Paraná (ABEOC/PR), Paraná Conventions e Paraná Turismo.

O conteúdo prevê uma série de etapas para elaboração de diagnóstico empresarial, feito com base em questionários respondidos pelos empresários, treinamentos, palestras, avaliações de consultores e visitas técnicas. São avaliados requisitos legais, processos de gestão, sustentabilidade e atendimento, itens de infraestrutura e oferta de serviços. O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) é o responsável pela análise de conformidade e avaliação das empresas no final do processo.

O programa tem como objetivo o aperfeiçoamento técnico e profissional das empresas do setor turístico, por meio de avaliação da gestão, processos e qualidade de produtos e serviços. “Uma das vantagens do programa é estimular a melhoria contínua na gestão do negócio e na prestação de serviço aos turistas, com conteúdo que aponta soluções para reduzir perdas e custos no processo produtivo, melhorar a rentabilidade e aumentar o lucro”, explica o coordenador estadual de Turismo do Sebrae/PR, Aldo Cesar Carvalho.

O Sebrae/PR é responsável pela execução técnica do programa que, entre outras vantagens, melhora a imagem da organização e de seus produtos junto aos clientes. “Não podemos deixar de enfatizar que o Selo também reposiciona e fortalece as marcas, facilitando o acesso a novos mercados, além de priorizar as empresas participantes em ações como rodadas de negócios, feiras e eventos de grande porte”, resume.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*