Gartner alerta sobre armadilhas que executivos de TI devem evitar

Executivos podem aprender com erros anteriores para garantir sucesso na nova função

O Gartner, Inc., líder mundial em pesquisa e aconselhamento imparcial em tecnologia, alerta executivos de TI (CIOs – Chief Information Officer) para evitarem cinco armadilhas que surgem quando assumem uma nova função nas empresas.

“Agir muito precocemente pode causar um dano duradouro que vai exigir retrabalho, redesenho ou reparo”, diz Jenny Beresford, Diretora de Pesquisa do Gartner. “O sucesso antecipado na função e a marca pessoal dependem de evitar algumas armadilhas comuns com ações positivas”.

Segundo a analista do Gartner, vale o exercício de imaginar o primeiro dia de um executivo como CIO em uma empresa. Ele sabe o que fazer, mas há coisas que desconhece por completo. Está empolgado com o novo emprego, mesmo que seja seu terceiro ou décimo cargo como CIO, mas está ávido por se sair bem nesse papel extremamente complexo e exigente. A experiência mais comum no primeiro dia é cheia de espaços em branco, exceto quando é recomendado ao profissional ler algo – uma pilha de coisas – de maneira digital ou analógica. A data pode ser pontuada por surpresas e alertas do tipo ‘não disseram isso antes de você aceitar o trabalho’.

A Diretora de Pesquisa do Gartner afirma que no primeiro dia de trabalho algumas situações potencialmente prejudiciais podem surgir diante do executivo. O tema é tão importante que será discutido durante o Gartner Symposium/ITxpo 2018, que acontece de 22 a 25 de outubro em São Paulo. “A boa notícia é que CIOs com experiência já vivenciaram essas situações mais de uma vez e podem estar preparados”.

O Gartner identifica cinco armadilhas que devem ser evitadas por executivos que assumem cargos de CIOs:

 

  • Redirecione o ego para eficácia - Embora tenha sido preciso comprovar seu currículo para aqueles que te escolheram, você é um número desconhecido para todos os demais: sua equipe, stakeholders, colegas e fornecedores. Resista ao impulso de estabelecer sua credibilidade se deixando levar por auto engrandecimento sobre o que você alcançou nas funções anteriores. Avance devagar no processo de familiarização com confiança, mas com um ego contido e intimidação mínima. Mesmo que tenha um histórico impecável até o momento, reestabeleça do zero sua marca e proposição de valores para se tornar um líder confiável.

 

  • Estou do seu lado – Você pode não estar ciente de que um ou mais profissionais do time ou colegas aplicaram para a função – ou até mesmo atuaram com CIO interino –, mas não foram selecionados. Aqueles que se candidataram estão provavelmente desapontados, talvez magoados ou ressentidos. Eles podem achar que você não merece o trabalho. É uma situação muito comum. Preste atenção extra imediata em colaboradores frustrados por seu cargo para convertê-los, ou ajudá-los a encontrar uma posição em qualquer outro lugar. A realidade é que eles geralmente seguem em frente de qualquer forma.

 

  • Olhe antes de avançar – Ações inicias empobrecidas têm derrubado muitos CIOs. Pode ser suspendendo ou começando uma grande e visível inciativa, substituindo pessoas chave durante a transição antes de encontrar a raiz dos problemas ou identificar melhor soluções alternativas. A menos que uma séria crise esteja em desdobramento, poucas semanas a mais não farão diferença significativa, mas agir precipitadamente pode causar danos duradouros que exigem retrabalho, redesenho ou reparo.

 

  • Controle-se – Novos CIOs geralmente caem na armadilha de deixar escapar críticas aos executivos que ocuparam sua posição anteriormente. O efeito não é construtivo, à medida que a equipe de TI e outros podem sentir que a crítica também é direcionada para eles. Esteja ciente de que sua mente de iniciante e crítica como novo CIO é altamente valorizada, mas se controle para obter exatidão máxima e impacto quando estiver confiante de que pode fazer melhorias.

 

  • Encontre o sábio conselho – Antes de começar, reúna um pequeno e confiável grupo de conselheiros formado por pessoas que te conheçam bem – experts na sua indústria e pessoas poderosas na sua nova organização investiram no seu sucesso. De outra forma, você pode confiar nas pessoas erradas para aconselhamento político. Isso pode levá-lo a cometer graves erros, se lançando contra a cultura, normas e políticas da nova empresa.

 

Sobre o Gartner

O Gartner, Inc. (NYSE: IT) é a principal empresa de pesquisa e consultoria do mundo e membro do S&P 500. Fornecemos aos líderes de negócios insights, conselhos e ferramentas indispensáveis para alcançarem suas prioridades em missões críticas e para desenvolverem organizações de sucesso no futuro. Nossa combinação incomparável de pesquisas lideradas por especialistas e orientadas por profissionais e baseadas em dados aconselha os clientes para a tomada de decisões corretas sobre os assuntos que mais importam. Somos confiáveis como um recurso de apoio e parceiro crítico para mais de 15.000 empresas, em mais de 100 países – por meio de todas as principais funções e para todos os tipos de empresa. Para saber mais como ajudamos executivos com poder de decisão a impulsionarem o futuro dos negócios, visite: www.gartner.com.

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu