Pedro Mann se une a Caio Prado para cantar o amor livre no single e clipe “Tudo que a gente pode ser”

O cantor e compositor carioca Pedro Mann continua a explorar as diferentes formas de amor na trilogia “Asa”. Após a epifania do primeiro encontro em “Faz Um Bem”, ele canta o amor universal e livre ao lado de Caio Prado em “Tudo que a gente pode ser”. Disponível em todas as plataformas de streaming, a faixa chega com um clipe dirigido por Renan Salotto

Assista a “Tudo que a gente pode ser”: https://youtu.be/LODlJ1j1kIY 

Ouça “Tudo que a gente pode ser”: https://pomar.fanlink.to/TudoQueAGentePodeSer

Filmados em contraste com o céu, representando leveza, Mann e Prado (do hit “Não recomendado”) falam do amor que está dentro de nós e nos conecta com o propósito interior e com a felicidade: “Não vá correr daquilo que você sempre quis, do que o coração te diz”, eles cantam.

Na trilogia de lançamentos, Pedro Mann usa a estética da intimidade para se debruçar sobre as diferentes formas de amar e sentir. O próximo lançamento,  “Fiz uma canção de amor” (com Laura Petit), reunirá as temáticas para falar do fim de um relacionamento.

Assista a “Faz Um  Bem”: https://youtu.be/jyeEXs-XGTY

No último ano, Pedro Mann lançou “Salineiras”, seu terceiro álbum de estúdio com produção de Rodrigo Vidal (Natiruts, Maria Gadú, Paulinho da Viola). O conceito do trabalho combinou letras intimistas, de grande entrega e vulnerabilidade, com instrumentos acústicos em arranjos sofisticados. Completam a discografia os álbuns “O mundo mora logo ali” e “Cidade Copacabana”.

Agora, Pedro Mann está pronto para revelar mais de suas canções. Após o recente single e clipe “Estou Vivo”, a trilogia “Asa” vem para marcar uma nova fase prolífica do artista, prometendo múltiplas colaborações. “Faz Um Bem” já está disponível para streaming.

 

Assista a “Tudo que a gente pode ser”: https://youtu.be/LODlJ1j1kIY 

Ouça “Tudo que a gente pode ser”: https://pomar.fanlink.to/TudoQueAGentePodeSer

 

Ficha técnica

Pedro Mann: Voz, baixo elétrico e guitarra

Caio Prado – Voz

Ricardo Rito: Teclado

Pedro Silveira: Guitarra

Carlos Sales: Bateria

Fernando Caneca: Violão tenor

Gilson Santos: Trompete

Yuri Villar: Sax tenor

Jonas Hocherman: Trombone

Yuri Villar: Arranjo de sopros e cordas*

 

Cordas:

Ricardo Amado Da Silva (Violino)

Carlos Roberto Mendes (Violino 2)

José Ricardo Vöelker Taboada (Viola)

Pablo de Sá (violoncelo)

 

Produzido, mixado e masterizado por Rodrigo Vidal

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER


spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui