Inpespar divulga o retrato dos imóveis para venda e locação em Curitiba em janeiro

Sete bairros de Curitiba concentraram maior oferta de imóveis à venda em janeiro, conforme a pesquisa mensal do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Mercado Imobiliário e Condominial (Inpespar), do Secovi-PR. Juntos somam 30,5% da oferta. Outro dado também destaca que os bairros Água verde (com 6%), Centro (com 5,7%) e Campo Comprido (com 4%) encabeçam a lista e somam 15,7% da oferta.

“Estes são bairros mais consolidados e verticalizados, o que, consequentemente, contribui para que a oferta seja maior”, explica Luciano Tomazini, vice-presidente de Lançamentos e Comercialização Imobiliária do Secovi-PR.

Locação

            Seis bairros de Curitiba também concentram a maior quantidade de oferta de imóveis para locação: Centro, Água Verde, Batel, Bigorrilho, Portão e Rebouças. Juntos somam 42,1% da oferta da capital paranaense, e os 3 primeiros, somam 32%.

            Mesmo com toda essa oferta, o estoque de imóveis para locação em Curitiba apresentou queda de 20,7% em relação a janeiro de 2018 e de 29,6% se comparado ao mesmo período de 2017.

O vice-presidente de Locação e Administração Imobiliária, Leonardo Baggio, esclarece que a queda na oferta indica que o mercado de alugueis na capital paranaense está mais aquecido. “Os meses de janeiro, fevereiro e março de cada ano são os períodos de maior procura por imóveis residenciais e comerciais para alugar, destaca.

Preço de Oferta - Locação

Em média a variação do preço do mês de janeiro, comparado com o mês anterior foi de aumento de 0,6% nos residenciais, de 1,2% nos comerciais e de 2,3% nos terrenos.

Já o ticket médio de locação total teve aumento de 1,7% em relação ao mês anterior e o ticket residencial cresceu 4,2%.

redacao2@lidemultimidia.com.br

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu