Marcelo Perdido se une a Teago Oliveira (Maglore) em grito de liberdade e folia para o ano inteiro

Após cantar a liberdade para amar de qualquer modo em “Que Bom”, o cantor e compositor Marcelo Perdido se une a Teago Oliveira, da Maglore, para celebrar a festa popular mais importante do país em “Carnaval”. Porém o foco não é a folia em si, e sim o poder de resistência ao dia-a-dia e um respiro momentâneo além da realidade. A faixa está disponível para streaming e ganha um lyric video.

“‘Carnaval’ é uma música pop sobre saudades e amor na maior festa popular do Brasil, mas que em um país tão opressor acaba por significar muito mais que uma festa, é um respiro de liberdade por alguns dias, uma inspiração que pode servir para seguir sua vida desta forma o resto do ano: espalhando amor e sendo quem você é”, reflete Perdido.

A faixa une dois sotaques representativos do carnaval: Rio e Salvador. Teago é cantor e compositor baiano e desponta como importante figura da cena atual, tendo sido gravado por Erasmo Carlos e Pitty, e sua banda Maglore já acumulou mais de 20 milhões de audições no Spotify.

Já Marcelo mescla música brasileira com pop e alternativo e tem em sua discografia solo cinco álbuns: “Lenhador” (2013), “Inverno” (2015), “Bicho” (2016) e “Brasa” (2019) e “Não tô aqui pra te influenciar” (2020). Este último, considerado um dos melhores do ano passado pela APCA, mostrava um compositor maduro, mas agora ele quer dar um novo passo. Depois de explorar o universo visual desse trabalho em clipes desenvolvidos pelo próprio artista, Perdido revelou em junho o single inédito “Que Bom”, celebrando os amores diversos.

“Carnaval” dá mais um gostinho dessa nova fase com um time de peso. Com produção de Habacuque Lima (Ludov, Pullovers), que também tocou guitarra e sintetizadores, a faixa conta com baixo de André Whoong, bateria por Matheus Souza (Tiê), teclas, cordas e trompete por Danilo Andrade (Jorge Ben Jor, Gilberto Gil) e flauta de Pedro Vituri. “Carnaval” está disponível em todas as plataformas de streaming.

Assista a “Carnaval”:

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui