Projeto de casa abraça a natureza em seu entorno e destaca sua ampla área de lazer integrada ao espaço gourmet

Localizada na cidade de Holambra (SP), o arquiteto Pietro Terlizzi foi responsável pela arquitetura e design de interiores da residência concebida inicialmente para ser um imóvel de veraneio, mas que no final tornou-se o endereço oficial dos moradores

A ‘Casa Bosque’, realizada pelo arquiteto Pietro Terlizzi, foi estrategicamente pensada para receber o sol da manhã e estar resguardada na parte da tarde. Com 100% de integração das áreas sociais, o projeto da edificação também considerou questões importantes como soluções de ventilação cruzada para gerar conforto térmico | Foto: Guilherme Pucci

Com 330 m², a Casa Bosque, conforme nomeou o autor do seu projeto, o arquiteto Pietro Terlizzi, se destaca pela presença preponderante da natureza em seu entorno. Localizada em Holambra, interior de São Paulo, em um primeiro momento a residência foi concebida com a ideia de um refúgio de veraneio, mas o encanto dos proprietários foi além do esperado, que a elegeram como a morada definitiva da família.

Originalmente pensada para os finais de semana, os requisitos principais recebidos pelo profissional foram os de realizar uma área gourmet integrada, insolação adequada e muito verde. “Eles vieram da experiência de uma outra casa em que o posicionamento não era favorecido pelo posicionamento solar. Assim, nosso projeto incluiu um estudo que favoreceu o sol da manhã e proteção para a intensidade moderada na parte da tarde”, explica Pietro.

A fachada da residência projetada pelo arquiteto Pietro Terlizzi, é composta por concreto armado com uma curvatura especial que segue a rua sem saída e que se estende até o pergolado que termina no muro da garagem | Fotos: Guilherme Pucci

O primeiro detalhe notável ao entrar na Casa Bosque é o muro de pedra moledo construído na garagem e que, por sua vez, tornou-se um cartão de visitas convidativo e surpreendente. “A transição engenhosa entre a laje e o pergolado de concreto nos desafiou, mas o resultado ficou espetacular”, comenta arquiteto.

A casa projetada pelo arquiteto Pietro Terlizzi possui dois volumes que se cruzam e o lado com o pé-direito mais alto é onde estão as áreas sociais totalmente integradas: sala de jantar, jogos, home-theater e cozinha. A mesa de madeira maciça, uma peça robusta e majestosa com sua beleza atemporal e imponente, é mais do que apenas um móvel; é um legado que atravessa o tempo, presente na família há gerações | Fotos: Guilherme Pucci
O home-theater tornou-se um dos ambientes mais desfrutados pela família. Na arquitetura, Pietro Terlizzi investiu em generosas esquadrias que se estendem até a lateral da casa e que permitem, por sua vez, a entrada abundante de luz natural. A estante da TV foi produzida em madeira freijó| Fotos: Guilherme Pucci

A casa 100% térrea e com a conexão entre as salas de jantarjogos, home-theater e cozinha, foi planejada com essa essência de uma morada sempre pronta para reunir a família e convidados. “Um dos pontos mais interessantes está na abertura da porta principal que entrega uma visão de todo o terreno, sem nenhum bloqueio visual. Ficou incrível”, relembra o profissional.

Envolvido pela natureza e com o aconchego marcado pelo uso da madeira freijó na marcenaria planejada e no mobiliário, o home-theater se transformou em um lugar que reflete fielmente a proposta do bem-receber pretendida pelos proprietários para a casa. Com o privilégio de oferecer não apenas uma estrutura completa, mas também a paisagem da área de lazer, a cozinha deixou de ser um ambiente com uma estrutura trivial para proporcionar a alegria de preparar receitas com espaço de sobra e muita leveza. Para as refeições rápidas do dia a dia, a área da bancada atende as necessidades dos moradores e para as ocasiões especiais, a mesa de jantar está muito próxima. “Ela tornou-se versátil, uma vez que atende as atividades clássicas, como está pronta para apoiar a parte gourmet com a churrasqueira”, detalha Pietro.

Para a cozinha, o arquiteto Pietro Terlizzi projetou a bancada em quartzo cinza claro e armários em freijó. As vigas de madeira garapeira, que seguram o telhado, ficam expostas e dão o charme especial no ambiente | Fotos: Guilherme Pucci

O arquiteto Pietro Terlizzi enfatiza que a palavra-chave deste projeto é ‘conexão’. “Na varanda gourmet, por exemplo, todas as portas de correr podem ser recolhidas e escondidas dentro da parede, permitindo que o lounge se integre completamente com a área interna da casa”, detalha.

Por meio das portas de correr na varanda gourmet, arquiteto Pietro Terlizzi entregou um layout multifuncional. Do lado de fora, onde está a churrasqueira, destaque para a ripa de concreto, um revestimento que simula o concreto armado aparente. A intenção foi justamente evidenciar o contraponto entre o rústico e a delicadeza da madeira |Foto: Guilherme Pucci

Ainda sobre o projeto de arquitetura, a disposição dos cômodos foi abundantemente favorecida pelos grandes vãos que propiciam a presença constante da iluminação e ventilação natural. A chancela da autenticidade pode ser atestada pelas vigas de madeira garapeira expostas que emergiram como elementos singulares e com um charme inigualável.

E na busca incessante pela felicidade de viver em uma estrutura tão agraciada pela natureza, as referências e apostas evidenciadas por Pietro revelam o olhar de quem trabalhou na construção de uma obra de arte.

O estudo de insolação realizado pelo arquiteto Pietro Terlizzi beneficiou a entrada dos raios solares pela manhã, enquanto o interior ficou totalmente protegido da intensidade que ocorre no período da tarde. Outro ponto curioso diz respeito ao telhado com apenas um lado de inclinação na área gourmet: as vigas expostas reforçam a sua ascensão por quem transita da cozinha para a área de lazer| Foto: Guilherme Pucci
Incluída no ‘miolo’ da casa, a piscina em ‘L’ projetada pelo arquiteto Pietro Terlizzi, permite que todos os cômodos se deleitem com uma visão privilegiada. Com a aparência de um deck de madeira, o revestimento no seu entorno confere o estilo de madeira rústica |Foto: Guilherme Pucci

Na área intima da casa, os 4 quartos e suítes possuem o mesmo layout e os banheiros foram valorizados com a instalação de claraboias, como forma de substituir a iluminação natural que não é oriunda da janela. “Nossa preferência foi destacar as esquadrias nos dormitórios que dão acesso à piscina. Com a abertura dessa cúpula envidraçada, resolvemos a questão da luz natural e também dedicamos atenção especial para a estrutura de exaustão”, explana o arquiteto.

Como o grande destaque do projeto está na área de lazer integrada, o arquiteto Pietro Terlizzi garantiu para que todos os dormitórios tivessem uma vista de tirar o fôlego | Foto: Guilherme Pucci
Na suíte, o arquiteto Pietro Terlizzi considerou a execução de uma bancada em quartzo cinza, com direito à cuba esculpida, e a instalação de porcelanato no piso | Foto: Guilherme Pucci

contato@pietroterlizzi.com.br

@pietro_terlizzi_arquitetura

www.facebook.com/pietroterlizziarquitetura

Contato: 11 9 7602-2505

Endereço: Rua Mourato Coelho, 798 – conjunto 51 – Pinheiros, São Paulo (SP).