Gripes x Resfriados

Apesar de serem muito confundidas por todos, a gripe e o resfriado têm algumas características comuns, porém suas consequências são diferentes. Sintomas como coriza, nariz entupido, espirros e dor de cabeça e no corpo geralmente são entendidos como resfriado, mas podem ser causadas por vários tipos de vírus e têm características peculiares que os distinguem.

Segundo o otorrinolaringologista do Hospital IPO, Guilherme Catani, a gripe é mais grave que o resfriado e a prevenção, para ambos, ainda é o mais importante. “Evitar ambientes fechados, aglomerações, higienizar sempre bem as mãos, evitar contato físico com infectados e a vacinação, evitam a maior parte dos adoecimentos”, explica.

A gripe, também chamada de influenza e mais séria, é causada por um vírus e causa febre alta – que dura geralmente três dias-, seguida de dor muscular, dor de garganta, dor de cabeça, coriza e tosse seca. Esses sintomas respiratórios ficam mais evidentes com a progressão da doença e prolongam-se em torno de cinco dias após o termino da febre. Em alguns casos podem até evoluir para a pneumonia.

“J­­­­­á o resfriado, muito parecido com a gripe, tem os sintomas mais leves e duram menos tempo, entre dois e quatro dias e é menos comum que o indivíduo tenha febre”, explica Catani. É causado por vírus diferentes sendo os mais comuns o rinovírus, o parainfluenza e o sincicial respiratório, que se manifestam geralmente em crianças. Tosse, congestão nasal, coriza dor no corpo e dor de garganta leve são os sintomas.

O médico reforça que, seja qual for a doença respiratória, a gripe ou o resfriado a prevenção e bons hábitos de higiene são fundamentais. “É essencial sempre lavar bem as mãos, manter os ambientes bem ventilados, não compartilhar objetos de uso pessoal, utilizar lenço descartável par alimpar o nariz e evitar ao máximo contato com outros que tenham sinais de gripe ou resfriado”, alerta.

Como se livrar

Na verdade, não existem remédios que consigam bons resultados para se combater a gripe e o resfriado. Os médicos direcionam o tratamento para o alívio dos sintomas, principalmente da gripe, com analgésicos e antitérmicos, que podem aliviar a dor e a febre . Os medicamentos na verdade tratam os sintomas que causam desconforto, como nariz entupido, tosse seca, corrimento no nariz ou a dor de garganta. Já para o resfriado, inicialmente não há necessidade de medicação por não ser um quadro preocupante.

 

Sobre o Hospital IPO

O Hospital IPO é especializado no tratamento de ouvido, nariz e garganta, e conta com uma equipe multidisciplinar de áreas relacionadas à otorrinolaringologia. Atualmente possui o único pronto-atendimento 24 horas da especialidade no sul do País, seis centros de tratamento, estrutura educacional volta a otorrinolaringologia, mais de 150 médicos atendendo em 20 especialidades e mais de 20 unidades de atendimento no Paraná e Santa Catarina.

O grupo surgiu com união de um grupo de professores de medicina da Universidade Federal do Paraná, em outubro de 1992, para a criação de um centro especializado em otorrinolaringologia, ofertando consultas, exames, procedimentos ambulatoriais e cirúrgicos. Em junho de 2000 inaugurou seu hospital, um edifício de 11 mil metros quadrados, dispostos em 10 andares, localizado em Curitiba, no bairro Água Verde. www.ipo.com.br (redacao6@lidemultimidia.com.br)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.